14 novembro 2016

Sobre acreditar e desejar.

Acredito que todo ser humano não seja tão ruim, mas tem alguns que não são bons o suficiente para caminhar comigo. 

Gosto de luz e todos nós precisamos de paz. Gosto daqueles que somam e querem expandir, descarto aqueles que só dizem palavras para me diminuir. Jogo no lixo das suas próprias vidas aquilo que "eles", os maus olhos desejam a mim. 
Cansei de ser a boa menina da história e desejar amor a aqueles que me apunhalaram pelas costas, cansei de beijar o rosto daqueles que mereciam na verdade umas boas porradas. 
Tudo bem, não há porque chorar por um leite que eu mesma deixei derramarem, mas sou grandinha o suficiente para não me jogar de olhos fechados nos mesmos buracos do passado. 

Não quero que sofram, mas sei que pagarão pela triste discórdia que me fez chorar. 
Não sou santa, mas sou digna. 
A moeda é rica e tem dois lados, então não queira implorar meu abraço se um dia você já me fez dançar no espaço. Continue a dizer tudo aquilo que você pretende me ofender, mas saiba que antes de ofensa eu sou luz e tudo de ruim que causar na minha vida, volta em dobro como ferida. Também não sou a dona da verdade, mas a vida é minha, e eu, depois dos tombos que levei, decidi não permitir que nada, nem ninguém, irá me fazer ralar os joelhos e a alma , porque fiz de mim, um espelho que gentalha alguma será capaz de destruir. 

Eu posso até iluminar a sua vida com o meu brilho, mas não quero desfrutar a minha vitória ao lado de gente que não quis caminhar comigo. Sou amor e união, mas não venha querer uma reconciliação, não vou entrar na história de quem me quer no chão.

Jeessy B. & Joyce Xavier.